Qual a relação entre autoempatia e amor próprio?- Por Ana Lúcia Rafael

Autoempatia e amor próprio: já parou para pensar nessa relação? Assim como a empatia, a autoempatia e o amor próprio carregam diversos desafios. No entanto, ao desenvolver essas habilidades, é possível não somente mudar sua vida pessoal e profissional, como também o mundo! Entenda melhor sobre o tema, a seguir, em um artigo simples, direto e relevante da nossa querida palestrante Ana Lúcia Rafael.

Quando falo sobre autoempatia é praticamente o mesmo que o amor próprio

Pense comigo: podemos nos colocar no lugar do outro, compreender o outro, imaginar a vida do outro, não é mesmo? E, obviamente, podemos respeitar o outro. Isso está ligado a empatia, certo?

Conforme mencionei em minha entrevista para o site, adoro a definição de empatia segundo o psicólogo austríaco Adolf Adler:

“Olhar com os olhos do outro,

Ouvir com ouvido o outro.

Sentir com o coração do outro.”

Mas, e a autoempatia? 

Acredite, é uma habilidade que deve ser vista por você, como algo sério e prioritário em sua vida, afinal, é praticamente o mesmo que amor próprio.

Autoempatia e amor próprio: primordial para sua evolução e crescimento

Se há algo importante para você que busca evoluir, tanto profissionalmente quanto em relação à sua vida pessoal, considere valorizar ao máximo a necessidade do autoconhecimento para se compreender. Este é um gesto de autoempatia e amor próprio e que te levará a cada dia mais, aprimorando a habilidade de amar, cuidar e respeitar a você mesmo (a).

Quando alguém me pergunta: “Ana, como posso colocar em prática a autoempatia?”, eu digo o seguinte: comece a se interessar pelas profundezas da sua alma e mantenha esse interesse aceso. Esse processo de se conhecer é o que irá propiciar a autoempatia.

Você tem praticado essa habilidade de amar, cuidar e respeitar a você mesmo? Vamos começar hoje? Abraço carinhoso e obrigada pela atenção. 

Leve hoje mesmo uma palestra de Ana Lúcia Rafael para sua empresa!

As  palestras de Ana Lúcia proporcionam o autoconhecimento, reflexão e ao mesmo tempo são dinâmicas, alegres e motivacionais. Os grupos com os quais a palestrante trabalha costumam se conectar rapidamente com a alegria de viver e amor ao trabalho, demonstrados de forma espontânea pela palestrante. Sendo assim, as pessoas logo demonstram confiar em sua sólida experiência.

Confira o perfil da palestrante e contrate agora!

Escrito por

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Quem palestrou?

Você precisa absorver muito conteúdo mas não encontra tempo para ler?

Milhares de pessoas tiveram uma experiência transformadora ampliando os limites do foco e da memória. Agora é a sua vez!

Clientes