Palestras de Sucesso Entrevista Alberto Araújo

“O melhor lugar do mundo é a boa companhia.” Essa frase do Empresário, palestrante, apresentador, diretor, cineasta, roteirista, escritor, poeta e compositor, Alberto Araújo, ilustra bem o fato dele fazer parte da família Palestras de Sucesso. Recém integrado ao time, ao lado de outros grandes nomes e talentos, tanto da arte quanto dos negócios, Alberto bateu um papo descontraído com nossa equipe em um entrevista altamente produtiva e enriquecedora, que você confere a seguir!

Alberto Araújo, é um prazer enorme recebê-lo aqui para falarmos um pouco mais sobre seu belíssimo trabalho. De início, conta pra gente de onde veio essa sua conexão com Portugal, que é algo bem presente em suas produções, sobretudo literárias, não é mesmo? 

Alberto Araújo: O prazer é todo meu em bater este papo com vocês. Bom, minha conexão com Portugal deve-se, em primeiro lugar, ao poeta Fernando Pessoa, por cuja obra sou apaixonado desde jovem. Pisei em terras portuguesas, pela primeira vez, em 1997 e, desde então, tenho retornado sempre, seja para gravar reportagens para minha página de turismo, para lançar livros, exibir o meu longa-metragem  VAZIO CORAÇÃO  ou rodar meu mais recente filme DE VOLTA À CASA PATERNA, cujo título resume bem meu sentimento pelo país. Lá, recebi o PRÊMIO GALA LUSOFONIA 2018, na área de cinema. 

Outro projeto muito interessante que tivemos contato, é sua produtora, a Fata Morgana. Dos trabalhos já realizados, quais você destacaria? E atualmente, há algum filme ou clip musical em produção? 

Alberto Araújo: É na produtora Fata Morgana que coloco  em prática os  projetos de audiovisual, seja a série de reportagens para MEU OLHAR, página de turismo que tenho no Facebook e DESTINO FUTEBOL CLUBE, canal que vou abrir no YouTube  no início de 2021, além de trabalhos como gravação de clipes, DVDs, entre outros.

O próximo projeto que considero de maior importância é o longa-metragem O INTERVALO DO VAGA-LUME, com roteiro extraído do romance do mesmo nome que a Editora Chiado lançará, no início do próximo ano. Já se passaram sete anos do lançamento do meu primeiro filme, VAZIO CORAÇÃO, e confesso que estou com muita saudade daquele ambiente mágico que só o cinema é capaz de nos proporcionar. Estamos na fase de captação e escolha de elenco e, se Deus quiser, pretendo rodar até o meio do próximo ano. 

A poesia é uma marca bem característica em suas obras. Quando você descobriu essa afinidade com a arte poética das palavras? 

Alberto Araújo: Acredito que o poeta nasce poeta, ou seja, traz consigo, desde o berço, um ponto de vista muito particular do mundo, uma espécie de sintonia fina com tudo ao seu redor. Aos poucos, esse jeito de enxergar e sentir a vida vai ganhando forma e sendo traduzido em versos. Não há como ignorar a “mensagem interior” que chamamos de inspiração. Agora, cabe a cada um desenvolver e aprimorar esse dom. 

Sua palestra , “A arte de regar sonhos”, busca solucionar problemáticas bem comuns no âmbito corporativo, como por exemplo, a qualidade de vida no trabalho, a motivação dos funcionários, gestão de crises, aumentar  a produtividade, etc. Dito isto, fica aqui uma ‘provocação’: o mundo corporativo, muitas vezes encarado como algo ‘impessoal’ por alguns, têm espaço para a visão poética da vida? Como inserir no mundo dos negócios, essa arte de regar sonhos e florescer realizações? 

Alberto Araújo: Não é de hoje que a chamada “inteligência emocional” passou a ser valorizada no mundo corporativo, provando que o mercado de trabalho precisa bem mais do que profissionais com aquele perfil de “robô”, moldado para executarem tarefas e atingirem metas. A sensibilidade é uma “ferramenta” que se encaixa em qualquer ambiente ou situação, principalmente na área profissional. O que você chama de “visão poética da vida” pode, sim, contribuir muito para o bom rendimento do colaborador de qualquer empresa, seja aquela com perfil mais artístico como publicidade, cinema, tevê, teatro, turismo, entretenimento ou até mesmo empresas com perfis considerados mais pragmáticos como indústrias pesadas. Onde existe a necessidade da colaboração do ser humano faz se necessário também a presença da emoção, da sensibilidade, da criatividade que estão diretamente ligadas à “visão poética da vida”.

A pandemia obrigou o indivíduo a desenvolver a criatividade, a inovar e buscar novos conhecimentos e formas de viver. Na sua visão, qual a lição que fica de tudo o que temos vivido nos tempos atuais? 

Alberto Araújo: A primeira lição é no campo humanitário, onde nunca se precisou tanto do pensar coletivo, de cuidar um do outro, de se preocupar com o próximo. Quando saímos de casa, fazendo o uso correto da máscara ou mantendo o distanciamento social, estamos sendo precavidos com nós mesmos e com o próximo. A pandemia veio nos mostrar que, diante de um inimigo invisível como esse vírus, somos, de fato, todos iguais e que a colaboração mútua é o melhor remédio. Já no campo profissional, o chamado “novo normal” nos tirou da rotina, da zona de conforto, colocando-nos diante de desafios aos quais não estávamos acostumados. E, às vezes, precisamos ser sacolejados por algum acontecimento fora do previsto para que possamos reagir, buscar alternativas, traçar novos caminhos. A lição que fica para todos nós é a de que precisamos estar preparados para o inusitado, afinal, acordar para o novo dia é renascer para as novidades do mundo.

Quero agradecer a gentileza de nos ceder um pouco do seu precioso tempo ao bater esse papo tão enriquecedor comigo e toda a equipe. O espaço é seu para deixar seu recado. 

Alberto Araújo: Foi realmente um prazer bater este papo sobre diferentes temas. A mensagem que deixo neste período de incertezas é que 

A LUA ENSINA, QUANTO MAIOR A ESCURIDÃO, MAIS A LUZ PREDOMINA.

Vamos recorrer à nossa luz interior para iluminar os caminhos desafiadores que teremos pela frente. 

Escrito por

5 thoughts on “Palestras de Sucesso Entrevista Alberto Araújo

  1. Elciene Spencieri de Oliveira says:

    Foi louvável a escolha do Alberto Araújo para o bate papo por se tratar de uma pessoa com uma sensibilidade incrível!👏👏👏

  2. Daniel Araújo says:

    Não me estranha a entrevista do Alberto Araújo. Ele realmente e muito competente e de grande sensibilidade. Parabéns. Sucesso. Abraços fraternos.

    • Rachid says:

      Caríssimo Daniel, é uma honra tê-lo aqui prestigiando nosso trabalho. Continue ligado no blog e nas próximas ‘aparições’ deste gigante do cinema nacional e poeta máximo, Alberto Araújo! =)

  3. MARIO RODRIGUES FILHO says:

    Alberto é um profissional da arte da bela e objetiva comunicação. Com sua sensibilidade consegue envolver os presentes em oportunidades e novos sonhos de vida. Que venham novas palestras.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Quem palestrou?

Você precisa absorver muito conteúdo mas não encontra tempo para ler?

Milhares de pessoas tiveram uma experiência transformadora ampliando os limites do foco e da memória. Agora é a sua vez!

Clientes