Você sabe o que é musculatura emocional e como fortalecê-la? – Por Luiz Binato

Na vida pessoal, na esfera profissional, somos a todo momento, convidados a nos exercitar, a treinar os “músculos” das nossas habilidades técnicas e em especial, comportamentais.

E ao pensarmos no nosso comportamento, sabemos que a questão emocional é das mais significativas. Ou, você acha que o fato da inteligência emocional, por exemplo, ocupar o topo da lista de soft skills mais valorizadas no mercado corporativo, é uma escolha aleatória? 

Diante disso, um ponto crucial para nos ajudar nos relacionamentos é a musculatura emocional. Se você não sabe exatamente do que se trata, não se preocupe. Temos um grande especialista no tema, que além de nos contar no que consiste o conceito, mostrará como fortalecê-la. Preparado (a)? Então continue a leitura, a seguir.

Seu maior projeto: o que é musculatura emocional?

Já reparou que para nos mover, usamos nossos músculos, contudo, a partir das nossas emoções? 

Veja bem: se você não desenvolve a musculatura do braço, ao pegar um peso maior, desiste, afinal, sentirá dor e não suportará.

Mas, e se eu te disser que o que manda, é sua musculatura emocional? Esse peso que você desistiu de levantar, não é a razão principal, tampouco os músculos do seu braço que pode até ser que estejam enfraquecidos.

Quem está fraca é a musculatura emocional. Com eu disse em um dos meus posts no Instagram: 

“Uma pessoa com o bíceps fraco mas com a resiliência e a perseverança fortes, treinará até que os braços possam erguer o peso que antes não erguia. “ – Luiz Binato

Você precisa desenvolver sua musculatura emocional 

Entenda a importância do autoconhecimento para alcançar resultados e objetivos- Por Luiz Binato

Com a musculatura emocional desenvolvida, é possível desenvolver todas as outras, Afinal, ela  te impedirá de desistir, de fugir a qualquer dor que sentir e que te tornará adulto, definitivamente.

Esse ‘músculo’ emocional, deve ser construído, e ele está relacionado intimamente à construção da nossa resiliência, compreende? 

Resiliência essa que atua como uma espécie de “cola interna”, que evita que quebremos em mil pedaços diante dos tombos e porradas.

Repare: parece que apenas em nossos momentos mais doloridos, que tentamos flexionar esse músculo. Na verdade, sem esse músculo emocional chamado resiliência, não somos capazes de nos levantar daquele peso que cai sobre nosso ombro, quando somos submetidos às intempéries da vida. 

Ao treinar essa musculatura emocional, é possível permanecer forte, não importa o que aconteça. Você será capaz de se recuperar das dificuldades e adversidades. Você não apenas sobreviverá ao que a vida lhe der, mas também usará os tempos difíceis para se tornar mais forte, adulto, ressignificando situações, compreende? 

Como fazer isso?  Algumas dicas, a seguir.

Consciência emocional e autoconhecimento

Desenvolvemos a musculatura emocional por meio da  resiliência, quando iniciamos o estado de consciência emocional. Você precisa entender o que você está sentindo e por quê. 

Enfrentar o medo, e suas verdades, não é algo confortável. Pode nos assustar. Mas fugir faz com que nossa musculatura emocional se enfraqueça. 

Busque o autoconhecimento para poder traçar um plano de ação para a mudança.

Me conta se isso faz sentido pra você!! E se você conhece alguém que precisa ler isso, compartilhe!! Até a próxima! 

Palestras de Luiz Binato: imersão em autoconhecimento na prática 

Com estratégias e metodologias aplicáveis a diferentes estruturas organizacionais, esse palestrante oferece experiências marcantes que redefinem histórias.

Portanto, aprenda com as palestras de Luiz Binato e caminhe rumo a uma carreira de sucesso.

Escrito por

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Quem palestrou?

Você precisa absorver muito conteúdo mas não encontra tempo para ler?

Milhares de pessoas tiveram uma experiência transformadora ampliando os limites do foco e da memória. Agora é a sua vez!

Clientes